Arrumação do frigorifico

 

 

 

 

Confesse, nunca pensou muito sobre a arrumação do frigorifico e na importância que a mesma tem para a conservação prolongada dos alimentos. Verdade? 

Existem à venda centenas de frigoríficos diferentes, mais baratos e mais caros, com mais ou menos funcionalidades e de vários tamanhos. Invista num bom frigorifico e investirá na redução de alimentos estragados. 

Manter o frigorifico organizado garante que os alimentos durem mais tempo. Não acredita? Faça o teste. 

Os equipamentos que têm a opção de ventilação conseguem uniformizar a quantidade de frio em todo o equipamento, os que não são ventilados a zona mais fria tende a ser nas prateleiras acima da gaveta dos legumes. Independentemente de ser ou não ventilado, existe uma ordem especifica de arrumação do frigorifico que deve ser respeitada. 

Os alimentos mais “sujos ou crus” devem estar na base, por exemplo: legumes, frutas, ovos frescos, carnes e peixes frescos. Estes produtos estão “sujos” do ponto de vista microbiano, ou seja, apresentam carga microbiana superior. 

A fruta e os legumes devem estar arrumados nas gavetas, mas não na mesma gaveta. Isto porque a fruta é normalmente produtora de etileno – gás responsável pela maturação, logo iremos estar a promover a maturação acelerada dos legumes.

A prateleira imediatamente após as gavetas, é normalmente a mais fria e  é onde devemos guardar o peixe fresco, a carne fresca e os ovos. Todos os produtos devem estar separados em recipientes fechados. 

Depois de aberto, o leite deve ser guardo num local onde não ocorram flutuações de temperatura, o que não acontece nas prateleiras. Como tal este produto, após aberto, deve ser guardado na prateleiras acima da carne, do peixe e dos ovos. 

A charcutaria e as sobras de comida devem ficar na segunda prateleira a contar de cima. Já que na primeira prateleira devemos guardar os iogurtes, queijos e manteigas. 

Outro truque muito importante é nunca colocar alimentos crus a cima de alimentos cozinhados. Desta forma evitamos contaminar alimentos que já não vão sofrer processamento. 

As portas devem ser para guardar sumos, águas, condimentos e outros alimentos menos sensíveis a variações de temperatura. 

Não se esqueça de outro aspeto muito importante…Mantenha o frigorífico nos 3ºC e o congelador nos – 18º C. São as temperaturas baixas que previnem o aparecimento de bactérias e micróbios que estragam a comida e, no limite, provocam doenças.

Além disso, não encha demasiado o frigorífico. Para manter uma temperatura baixa e consistente, o ar precisa de circular.

Em suma…

O que guardar nas portas…

•Condimentos

•Ketchup

•Mostarda

•Sumos

•Água

•Pickles

…e o que NÃO guardar nas portas

•Ovos

•Lacticínios

O que guardar nas prateleiras de cima

•Iogurtes

•Manteigas

•Comida pronta-a-comer

•Queijos 

•Charcutaria

O que guardar nas prateleiras de baixo

•Ovos

•Lacticínios

•Carne crua

•Mariscos

•Peixe